Por que usar material didático? Conheça diferentes tipos

Antes de falarmos sobre a importância do uso de material didático no processo de ensino e aprendizagem, vamos recorrer à etimologia da palavra para entender o que é “didática”.

O termo “didática” vem da expressão grega techné didaktiké, que significa arte ou técnica de ensinar. A partir disso, podemos entender que o professor é um artista na sala de aula, ou qualquer que seja o ambiente utilizado por ele, quando ensina aos alunos.

Tendo o professor como o “grande artista”, o material didático torna-se o instrumento necessário para que a magia aconteça. A magia, dentro deste contexto, é a mediação entre alunos e conteúdo.

O desafio desse profissional é efetivar a construção do conhecimento, levando em consideração a singularidade de cada indivíduo.

Por meio da didática, os alunos percebem que o aprendizado é um ato contínuo, desenvolvido a partir de materiais de apoio ao ensino, os quais estabelecem correspondência à prática e dão significado aos conteúdos.

Tipos de materiais didáticos

Existe uma grande variedade de materiais didáticos disponíveis para os docentes e que podem facilitar seu trabalho. Mas é importante que o professor utilize uma ferramenta apropriada aos conteúdos e aos diferentes níveis de aprendizado.

O livro didático é, hoje, a principal ferramenta para a construção de competências e, portanto, o apoio mais utilizado pelo professor em sala de aula.

Esse material é apresentado não apenas na forma impressa; atualmente, sua versão digital vem ganhando espaço e, também, a preferência dos alunos por apresentar um modelo moderno e disponível a qualquer momento.

O uso de um material didático que dê suporte ao professor para embasar o conteúdo a ser ensinado é fundamental para despertar no aluno o interesse de buscar mais conhecimento. E aí, não apenas o livro didático se faz importante, mas também os paradidáticos, imprescindíveis para a formação.

Neste contexto, podemos dizer que a aprendizagem profissional, por sua característica mais prática, torna mais premente o uso desses recursos didáticos.

No ensino profissional, essa relação de teoria e prática talvez seja mais evidente”, afirma Alini Dal Magro, Head da área de Ensino Técnico da SOMOS Educação.

Ela acredita que “a maioria das pessoas que escolhe um curso técnico o faz para conseguir uma vaga no mercado de trabalho, estar mais qualificado para permanecer em um emprego ou mesmo para buscar novos desafios profissionais”.

Isso reforça ainda mais a importância dessas ferramentas didáticas para o docente das áreas técnica e profissional. Os cursos têm um grande apelo para a prática profissional, mas a teoria também se faz necessária.

Assim, as ferramentas didáticas pedagógicas apresentam-se como elementos de construção do conhecimento, que contribuem para a formação dos alunos e apoiam os professores na aplicação de seus conteúdos.

Um comentário para “Por que usar material didático? Conheça diferentes tipos”

  1. O meio de ensino apresentado é de grande valia para o professor e aluno, onde já é determinada a matéria e graduação de aprendizado Parabéns.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *